quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Prefeitura de Japi decreta estado de calamidade financeira, administrativa e contábil



O decreto que instaura estado de calamidade financeira, administrativa e contábil em Japi foi publicado no Diário Oficial dos Municípios do RN, edição desta quarta-feira (15), mas tem efeito desde 1º de fevereiro.

Na prática, segundo a Prefeitura, o decreto 03/2017 estabelece um contingenciamento durante o próximo trimestre dos recursos previstos para o orçamento municipal de 2017, com a ressalva de gastos com pessoal e em áreas essenciais como a de Saúde e Educação, além de casos específicos a serem avaliados, em conjunto, pelo Prefeito. A determinação também permite que o Executivo realize contratações emergenciais, com dispensa de licitação, no intuito de manter a continuidade de serviços considerados básicos para as áreas da saúde, educação, transporte, saneamento, limpeza pública e infraestrutura. Por fim, a decisão suspende quaisquer investimentos públicos em obras ou reformas que tenham sido objeto de recursos de repasses constitucionais, pelo prazo de 90 dias


Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários, principalmente os comentários postados pelo Facebook; Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.

Seu comentário será enviado para o moderador.